Bombeiro civil salva criança de convulsão em shopping.

Caso foi registrado na noite de sábado (24), por volta das 22h. De acordo com testemunhas, a criança estava com a mãe aguardando pelo pai que trabalha no shopping. Ela teria tido um engasgo, e, quando apresentava um quadro de convulsão, o bombeiro Wilbert Salomão Guedes teria chegado para salvá-la. Após avaliação médica, foi confirmada a convulsão.

De acordo com o pastor Gesiel Oliveira, que divulgou as imagens na internet, os pais choravam desesperados e não sabiam o que fazer para contornar a situação. “Muitas pessoas que viram a cena, achavam que a criança já estava morta. Foi maravilhoso ver a criança voltando à vida. Ver o sorriso e um ‘glória a Deus’ bem alto do pai que estava em lágrimas”, disse Gesiel.

O bombeiro foi tratado como herói por usuários da rede social. De acordo com informações de testemunhas, o pai estava desesperado, e em um momento se jogou no chão e fez uma oração em prantos. “Foi quando chegou esse herói desconhecido e com muita habilidade ajudou aquela criança. Foi emocionante e muitas pessoas choravam ao ver aquela cena”, contou Gesiel.

Até a publicação desta matéria, o vídeo havia sido visualizado mais de 2 mil vezes no Facebook, havia duas mil curtidas e mais de 400 compartilhamentos na rede social. Emocionado, o pai da criança divulgou um agradecimento no Facebook. No relato, ele deseja “que Deus possa recompensar a cada um que nos ajudou”.

Ao G1, Wilbert disse que estava de plantão no shopping center, onde trabalha. “Era meu plantão no sábado. Fui chamado no rádio de que uma criança estava passando mal e aí não tinha noção da gravidade que era. Me desloquei e quando vi, achei que era um engasgo, pela posição que ela estava nos braços do rapaz que a socorria. Quando cheguei fiz o procedimento, fiz a varredura e a abertura das vias para então a criança voltar a respirar. Acalmei os pais e levei [a criança] até uma sala reservada para fazer a avaliação detalhada. Lá confirmamos que foi uma convulsão”, contou o bombeiro.

Após a recuperação da criança, ela foi conduzida para o Pronto Atendimento Infantil (PAI) para as providências necessárias. Familiares e amigos dos pais da criança informaram que ela passa bem.

O bombeiro disse que o salvamento da criança é resultado de um treinamento eficiente e com responsabilidade. “No momento do ato, agi com calma e quando percebi que a criança estava entre a vida e a morte, utilizei meus conhecimentos para o salvamento terminar bem”, afirma.

Wilbert é casado e pai de dois meninos, que, segundo ele, se espelham em seus passos e sonham em se tornar bombeiros. “O que eu puder fazer por qualquer vida, eu farei. Carrego essa responsabilidade comigo e meus filhos desde pequenos me veem como o herói deles. E hoje percebi a proporção que se tornou este ato que fiz. Me sinto feliz”, afirma Guedes.

Fonte: G1